Arquivo da tag: cicatriz de acne

Cicatriz de Espinha

Cicatrizes e marcas da acne (espinhas)

 

DOENÇAS DE PELE • SINTOMAS • TRATAMENTOS

CICATRIZES E MARCAS DA ACNE (ESPINHAS)

Cicatrizes e marcas da acne (espinhas)

As cicatrizes de acne (marcas de acne ou manchas de acne), são marcas que podem aparecer após uma acne grave, uma acne ou espinha mal tratada ou com muita manipulação. Cutucar ou espremer espinhas podem causar estas lesões. Além das cicatrizes da acne, que podem ser profundas, a acne pode deixar manchas escuras no local das lesões e algumas podem ser de difícil tratamento.

Por ser uma doença inflamatória, a acne estimula a produção de melanina que pigmenta a pele. A acne pode causar manchas escuras (manchas hipercrômicas), desde a cor levemente acastanhada até marrom.  A acne pode também podem deixar manchas vermelhas ou manchas arroxeadas .

cicatriz de espinhaTratamento das cicatrizes da acne

Como as cicatrizes da acne são causadas principalmente quando se espreme a espinha, lesionando a pele, o primeiro passo para o tratamento deve ser evitar esse hábito. Ela pode ser agravada se nossas unhas não estão limpas, podendo causar uma infecção, piorando ainda mais com o traumatismo gerado na região.

Depois das cicatrizes já formadas, a melhor maneira de tratá-las depende da característica da lesão, da mancha.

Caso a sequela da acne seja uma mancha escura, pode ser usada a luz pulsadalaserterapia e o peeling.. Se for a cicatriz da acne uma “ice pick” ou uma lesão atrófica (um buraco na pele) pode ser tratada com aplicação de ácido, preenchimentos, lasers w peelings profundos. Se a cicatriz da acne for hipertrófica, uma lesão elevada, pode ser feito a infiltração de corticoide, cicatrizes císticas podem precisar de cirurgia.

Veja aqui os tipos de cicatriz de acne

tipos de cicatriz de acne

tipos de cicatriz de acne

ATENCÃO! NÃO SE AUTO-MEDIQUE! Procure um dermatologista, que é o médico especialista em acne, para realizar corretamente o seu tratamento.

Tomar sol piora a acne? Causa mais manchas?

Sim, Tomar sol piora a acne. Faz parte do tratamento da acne usar protetor solar, pois o sol além de estimular a produção da glândula sebácea e formar novas lesões de acne, pode ocasionar manchas em cima das acnes presentes.

 

Tratamentos para Acne (espinha): cuidados necessários para não piorar

Tratamentos para Acne (espinha): cuidados necessários para não piorar, o que não fazer!

Existem vários tratamentos para acne. Acne é o termo médico, que os dermartologistas usam para designar as espinhas. Não se deve achar que acne é coisa da idade, que passa com o tempo, que não é uma doença, pois o impacto na qualidade de vida de quem sofre é enorme!

O tratamento para acne deve ser iniciado o quanto antes, pois as consequências como marcas, manchas, cicatrizes da acne serão minimizadas. A cura da acne, ou seu controle adequado pode ser atingido através de tratamentos locais, nas formas de acne leves. Diversos produtos para acne existem no mercado, isolados ou combinados, na forma de pomadas para acne, sabonetes para acne, creme para acne com compostos como oácido salicílico, peróxido de benzoíla, retinoides (tretinoína, adapaleno), antibióticos (clindamicina e eritromicina, de preferência associados – no mesmo produto – aos retinoides ou peróxido de benzoíla) e ácido azeláico.

ATENÇÃO! Não se auto-medique, procure um dermatologista para tratar a sua acne! marque uma consulta virtual acessando a plataforma dermatovirtual

Importante: quem tem acne não deve, em nenhuma hipótese, manipular (“cutucar, espremer”) as lesões, pois isso pode levar à infecção, inflamação e cicatrizes.

Quando saber se a lesão na pele é um cravo ou uma espinha? Em geral as lesões não inflamadas são conhecidas como cravos, e as que estão inflamadas, com inchaço na pele associado, nódulo na pele, ou um cisto na pele, podendo também cursar com dor no local. As espinhas quando graves podem gerar lesões que acabam gerando marcas na pele, cicatrizes na pele, que são as consequências mais temidas das acnes, espinhas.

Quando o tratamento da acne localmente não funciona ou a acne não é leve,  o tratamento por via oral é associado, utilizando-se antibióticos específicos, da classe das ciclinas (tetraciclina, doxiciclina, minociclina, limeciclina) ou macrolídios (eritromicina) ou sulfas (sulfametoxazol-trimetoprim), sempre associados ao tratamento local com retinoides ou peróxido de benzoíla ou ácido azeláico. O tratamento com antibiótico oral deve ser feito por, no máximo, três meses, em um ou até três ciclos.

Em casos específicos, o tratamento da acne pode ser feito com anticoncepcionais, ou com isotretinoina (roacutan). Existem procedimentos complementares usados que ajudam no controle da acne tais como: extração de “cravos”, drenagem de abscessos, infiltrações peelings químicos, microdermoabrasão, alguns tipos de laser, luzes e esfoliações químicas.

A limpeza de pele, quando bem indicada pelo dermatologista, e bem executada por esteticista treinado, pode ser um ótimo complemento do tratamento de algumas formas de acne. A Sociedade Brasileira de Dermatologia alerta: “Uma limpeza de pele feita por leigos pode ser considerada forma de tratamento”.

Leia mais outros posts sobre ACNE, ESPINHAS, CRAVOS

Acne, espinha, cravos, espinha interna: saiba o que são e como se livrar delas!

O que é espinha interna?

Os lugares mais incômodos onde espinhas (acne) podem aparecer : Acne no rosto, acne no nariz, acne na vagina

Tratamentos naturais para espinhas (acne): o que funciona o que não funciona.

Tratamentos caseiros, pasta de dente, elixir de inhame

Como secar espinhas (acne)

A Acne do bebe. Acne neonatal

Conheça os graus da acne (espinha)

Cicatrizes e marcas da acne (espinhas)

Que médico devo procurar para tratar acne, espinhas

Famosos que tem acne, espinhas

Tratamentos para Acne (espinha): cuidados necessários para não piorar, o que não fazer